FENAREG alerta para os baixos níveis das barragens – 30.000 ha em risco no Alentejo –